Como nasce o fast-food

Ando lendo muitos blogs. E quanto mais eu leio mais dá vontade de escrever, assim como quanto mais ouço Jimi Hendrix mais dá vontade de tocar como ele, o que é humanamente impossível.

paella

Voltando ao assunto: Li o post mais recente da mbottan, e entendi um pouco como ela se sente. Mas quis mostrar o outro lado, e  gostei tanto que resolvi postar minha resposta:

OK, mas tente ver o outro lado, o do garçom (ou cozinheiro, whatever): Vc recebe um pedido.

Ou melhor, O pedido, que pode serapenas um gesto clichê, uma escolha difícil feita depois de muito ler o cardápio ou até mesmo por delivery (como muitos fazem pelos MSNs, Orkuts e até Twitters da vida). E dá tudo de si pra entregar o melhor prato de sua vida. Capricha no tempero, fica de olho pra não deixar queimar e ainda faz um mise-en-scéne dizendo que é um prato excelente, só pra ver um sorriso de agrado no rosto da freguesa.

Aí a tão sonhada freguesa reclama que tá sem sal, que tá muito quente ou simplesmente que demorou porque o cliente da mesa ao lado é mais importante só porque é um amigo da facul ou parente distante, whatever. E aí que os suflês murcham, os camarões flambados chamuscam e tudo perde o sabor e a graça. Assim, perdemos a alegria de criar um prato maneiro e nos contentamos apenas em matar a fome dos olhos, fazendo fast-foods que não sustentam e aumentam ainda mais a fome.

E assim nasce um cafajeste.

Bom, eu não a conheço e não sei os motivos que a levaram a escrever seu post. Mas acho que depois dessa analogia toda ficou óbvio. Pelo menos pra mim.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  • Coloque seu e-mail para receber novidades e notificações do Blog.

    Junte-se a 1.429 outros seguidores

  • me siga

    twitter.com/nepomucky facebook.com/reginaldonepomuceno rss
  • arquivo

%d blogueiros gostam disto: